sábado, 19 de maio de 2007

Caminhando Contra o Vento




Autor da foto: Pedro N S Costa


A satisfação pelas caminhadas solitárias na opinião divergente
Empurrou a frenética vontade de dissimular passividade mental
para fora da alma fortalecida pelas arbitrariedades.
E uma qualquer doença que destabilize as entranhas,
a profunda vontade de viver a superará
O vento terá as suas razões de pôr a vida em ponto terminal
de derrota insatisfatória, de contrariar o fim com a letal vontade de amar!

1 comentário:

joão jacinto & poemas disse...

Parabéns por este espaço e agradeço a tua visita no meu.
Espero que tenha motivação para continuar a escrever e possamos estar no próximo ano aqui, com mais novidades,pelo menos mais dois livros, um de cada.

Obrigado, Manuel!

E muito sucesso também para ti!

Abraço,

jj